segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Será que vai ter Carnaval?

Hoje, 10 da manhã, Rádio CBN.
Alguém da Secretaria de Turismo da Prefeitura explicava as vantagens de passar o Carnaval em Sampa e, de preferência, em camarotes no Sambódromo:

"... e o público que for aos camarotes terá direito a leque, confete, serpentina, tradutor e intérprete e televisor com tela de LSD."

Isso mesmo, televisor com tela de LSD!
Gente, isso é tudo! A revolussão abçoluta! Viva o Carnaval de Ção Paulo!
Vai cer a cencasão!
Tela de LSD!!!!
Uau!!!
Não vejo falar nisso desde Woodstock (não, não, não é aquela que inventou a minissaia, aquela é outra. Woodstock é o festival, aquele).
Já imaginaram, aquela montanha de gente lambendo a tela do televisor até virar esqueleto?
E lambe de cá, lambe de lá e o povão só na miragem... Vendo bunda em lugar de peito, peito em lugar de pinto, pinto em lugar de... só de lamber a tela de LSD!
Televisor de LSD!
Moço, tem isso não. O cenhor trocou a letra.

Ubinam gentium sumus?
Carnaval em São Paulo... só ser for mesmo com LSD.

2 comentários:

dougui disse...

hauahuahauhauahuauahau
Adorei! hauahuahauhahauaa
E não é difícil de acreditar!
E é verdade... em São Paulo só assim mesmo!
Vou ficar em casa quieto... Mentira. Ver eneas tocar!
bja.

evao do caminhao disse...

por essas e por outras que vou pro RJ atrás do Bola Preta